Mais um caso de violência a manchar o futebol francês

A violência voltou aos estádios em França. O jogo da Taça entre o Jura Sud Foot e o Saint-Étienne ficou marcado por cenas lamentáveis, iguais as muitas que se tem assistido no país esta época.

O encontro entre a equipa da Ligue 1 e o emblema do 4.º escalão chegou a ser interrompido durante alguns minutos devido ao rebentamento de petardos. O jogo seria reiniciado pouco depois. O Saint-Étienne venceu por 4-1 fora de casa e segue para a próxima fase.

De recordar que o Lyon e Paris FC foram afastados da Taça de França devido à violência que ocorreu no jogo entre ambos. Em 17 de dezembro, num duelo dos 32 avos de final, no estádio do Paris FC, o encontro foi suspenso ao intervalo, quando estava 1-1, depois de confrontos nas bancadas, que levaram mesmo à invasão do relvado. Um adepto e um polícia ficaram feridos.

Numa temporada em que têm sido recorrentes os incidentes nos estádios franceses, a FFF, em comunicado, explicou que este caso “tinha que ser tratado de forma exemplar” e excluiu mesmo os dois clubes da competição.

O Lyon, onde joga o português Anthony Lopes, foi igualmente multado em 52 mil euros e está impedido de ter adeptos nos jogos fora em todas as provas nacionais até final da temporada. Por seu lado, o Paris FC terá que cumprir cinco jogos à porta fechada e foi punido com uma multa de 10 mil euros.

De recordar que o clube do guarda-redes luso Anthony Lopes esteve no centro de recentes alterações para os jogos das Ligas profissionais, decididas esta semana. A regra é agora a suspensão imediata caso algum jogador ou árbitro seja ferido por objetos lançados das bancadas.

A decisão, que se inclui numa lista de várias medidas para melhorar a segurança nos jogos de futebol, surge numa altura em que vários recintos franceses têm sido palco de incidentes com o lançamento de objetos para o relvado.

Um deles ocorreu em 21 de novembro, no jogo Lyon-Marselha, da 14.ª jornada do campeonato, suspenso depois de Dimitri Payet, jogador da equipa visitante, ter sido atingido no rosto por uma garrafa de água quando se preparava para bater um canto.

O agressor do jogador foi, entretanto, condenado a seis meses de prisão com pena suspensa e impedido de ir ao estádio do Lyon durante cinco anos.

Read More

Leave Your Comments

Your email address will not be published.

Copyright 2011-2021. All Rights Reserved